Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Junho 2012

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


Pesquisar

 


Análise: não importa o que você faça, sempre será criticado

Quarta-feira, 20.06.12
Por Sílvio Celestino* | Administradores.com.br
 
Existe um aprendizado importante por trás de cada crítica que lhe fizerem: na sua trajetória profissional, não importa o que você faça, sempre será criticado. Saber lidar com as críticas é uma habilidade fundamental para sua carreira, principalmente para quem almeja um cargo de liderança.
 
Elas vêm de todos os lados: quando não alcança o resultado financeiro, o acionista é duro com você. Quando alcança, o chefe diz que você se esqueceu das pessoas. Se cuida das pessoas, os diretores reclamam que você é muito bonzinho. Se apresenta sua opinião de forma assertiva, dizem que você é ríspido. Se aceita a opinião dos outros, que não se impõe. E, quando mostra os resultados esperados, perguntam se os fins justificam os meios! Não importa o que você faça, sempre será criticado. Acostume-se a isso.
 
Um fator importante para lidar com as críticas é ter consciência de qual é o propósito de sua ação ou fala. Isto é, saber por que faz algo. Isso é uma forma de proteger-se das críticas, que em geral têm como propósito afirmar de modo subjetivo que você está errado por fazer algo. E, toda vez que entramos em uma conversa subjetiva, estamos diante de uma discussão, não de um debate. A diferença é que o debate é pautado por fatos, análises, por números e evidências do tema do diálogo. Já a discussão é recheada de emoções e subjetividade.
 
As críticas vindas de seu gerente são as com que você deve tomar mais cuidado. São as responsáveis por grandes frustrações. Infelizmente, alguns gestores têm a crença de que, se criticarem sua equipe ou um membro dela, estão contribuindo para seu desenvolvimento. Enganam-se. A crítica de um chefe causa mais destruição na energia e na autoconfiança do profissional do que se imagina.
 
O líder deve ter consciência de que seu principal papel é formar outros líderes. Nesse sentido, quando acontece algo que não deveria ocorrer, ele deve dar um feedback, que é uma competência pautada em propósitos da empresa, da tarefa ou do departamento, e não em opiniões, rótulos e emoções destrutivas. Se um líder não sabe a diferença entre um feedback e uma crítica, não deveria estar nessa posição. Lembre-se de que, em geral, quem critica não tem compromisso com o resultado e não será cobrado por ele. Você, sim.
 
Portanto, ao fazer ou dizer algo, pense antes no seguinte: qual é o seu propósito? Essa deve ser sua linha para escolher as ações. Evite querer estar certo ou errado diante de algum tema. Ambas as afirmações são subjetivas, sujeitas a interpretações e normalmente carregadas de emoções. Lamentavelmente, muitas atrocidades são cometidas por pessoas que querem estar certas, mas na verdade estão emocionalmente descontroladas.
 
Por tudo isso, conhecer o propósito da empresa e do departamento em que você trabalha, para ver se estão alinhados ao seu objetivo de carreira – e mesmo de vida –, é uma análise que deve ser permanente em sua trajetória profissional. É muito difícil desenvolver sua profissão, se a todo instante você se vê forçado a fazer coisas com as quais não concorda, ou cujo propósito único é obter resultados financeiros.
 
Você terá maior capacidade de lidar com as críticas quanto maior for a consciência do seu propósito. Mas as críticas estarão sempre presentes, não importa quais sejam suas ações. Vamos em frente!
 
*Sobre o autor: Sílvio Celestino é sócio-fundador da Alliance Coaching e autor do livro "Conversa de Elevador – Uma Fórmula de Sucesso para sua Carreira". Twitter: @silviocelestino 

Link: http://www.administradores.com.br/informe-se/carreira-e-rh/analise-nao-importa-o-que-voce-faca-sempre-sera-criticado/56239/

Autoria e outros dados (tags, etc)

por INESUL às 12:48


Comentários recentes

  • Nino

    Nem todo mundo ama essa prisão corporativa em que ...

  • Felipa Gui

    Sinceramente pra falar a verdade e pra aprender a ...

  • Katherine

    Oi eu tenho uma dúvida, se eu fui aprovado em um p...

  • Saulo

    Sera que os profissionais de RH leram esses coment...

  • Anónimo

    INCRÍVEL QUANDO VOCÊ ESTÁ EM UMA ENTREVISTA CONTAN...